Tag Archives: Bookish

TRAD – Scott Westerfeld pro Bookish na BEA15

21 jun

zeroesO Bookish fez uma ótima entrevista com o Scott Westerfeld sobre o novo livro Zeroes, o processo de escrita e tudo. Não vou traduzir agora, porque muitas coisas os autores já falaram em outras entrevista que estão aqui no blog 😉

Mas no final da entrevista, o Scott também participa de um jogo temático de Ficção Científica e Fantasia, chamado “Você Preferiria”. E essa parte é muito legal e diferente, então aqui está a tradução:

Bookish: Você preferiria ter poderes mágicos ou super poderes?
SW (Scott Westerfeld): Eu preferiria ter superpoderes, porque eu sento que poderes mágicos tem mais dimensão moral, se você usá-los de uma forma errada, você está mexendo com o universo e ele irá mexer de volta com você. Mas super poderes é mais tipo raios gama atingiram você e assim você tem poderes e o universo não se importa, são só raios gama.

Bookish: Quem você preferiria ter como seu mentor, Aslam das Crônicas de Nárnia ou Artur Dent do Guia dos Mochileiros da Galáxia?
SW: Acho que Aslam me diria coisas que eu já saberia e que eu não gostaria de fazer, enquanto o Artur Dent me diria coisas que eu já saberia mas totalmente gostaria de fazer.

Bookish: Você preferiria ser um jedi (Star Wars) ou um integrante da equipe da Enterprise (Star Trek)?
SW: Eu provavelmente preferiria ser um integrante da Enterprise, porque eu preferiria viver numa pós democracia com escassez do que numa monarquia muito legal.

Bookish: Você preferiria estar no lado ruim da Cersei ou do Ramsey Bolton (Game Of Thrones)?
SW: Pelo menos, com a Cersei, eu poderia olhar para ela, antes dela me matar. Então, tem isso. Eu preferiria estar com a Galadriel com o anel do que com o Sauron com o Anel, em outras palavras.

Bookish: Você preferiria ter que levar o anel a Mordor ou sobreviver aos Jogos Vorazes?
SW: Pelo menos, com os Jogos Vorazes, seria apenas eu. Eu quero o mínimo de responsabilidades. Quer dizer, acho que as pessoas do meu distrito ficariam chateadas, mas elas não estão esperando vencer mesmo.

Bookish: Você preferiria ser Grifinória ou Sonserina?
SW: Eu sou Grifinória, eu sei que não é a resposta legal, mas é verdade.

Bookish: Você preferiria só ser capaz de viajar para o futuro ou só para o passado?
SW: Oh, eu estou viajando no tempo neste exato momento, apenas lentamente. Esse é a uma pergunta difícil. Se você poder viajar para o passado, poderia consertar seus erros. Mas se você viajar só para o futuro, poderá passar as partes chatas e chegar ao futuro… Acho que fico com o futuro, porque todos os meus piores erros já estão bem para trás no momento. É, eu quero ver o futuro.

Bookish: Você preferiria ter seus livros editados pelo fantasma de Shakespeare que não consegui evitar matar todo no final ou juntá-los como um casal; ou o J. R. R. Tolkien que gostaria que você inventasse sua própria língua?
SW: Eu meio que fiz isso quando era criança. Antes de eu começar a escrever livros ou criar histórias, eu fazia os mapas… Eu basicamente começa com os apêndices, com os alfabetos, os códigos-fonte, os ranks do exército do mundo que estava inventando. Eu era essa criança, eu queria decodificar tudo antes de chegar a fazer outra coisa.

Update (23.09.2015): Assista a entrevista completa traduzida!

Fonte: Bookish, vídeo – https://vimeo.com/130878590